Grande - Cidade
Mobile - Cidade

Taxas de embarque no terminal rodoviário sofrem reajuste após cinco anos

Valores alteram conforme a distância que o viajante for percorrer; Cerca de 32 mil passageiros passam pela rodoviária todo mês

Desde 2014 sem reajuste, o valor da taxa de embarque cobrada no Terminal Rodoviário Joaquim Lara, de Divinópolis, sofreu correção a partir do ano passado, mas manterá como referência os valores praticados nos terminais de municípios do mesmo porte de movimentação, como nos casos de Sete Lagoas e Uberaba.

 

 

A nova tarifa varia de acordo com a distância da cidade de destino. Cidades mais próximas tem um valor menor. Os valores já estão sendo cobrados nas passagens dos embarcantes, em janeiro de 2020.

A notícia continua após a publicidade

CATAVENTO - Gif

A notícia continua após a publicidade

Mobile - Cidade

Num raio de 50 quilômetros a partir de Divinópolis, a taxa de embarque passa a ser de R$ 2,15. Acima de 50 quilômetros, R$ 3,15.  Interestaduais, o valor é de R$ 3,80. A utilização de sanitários é de R$1,00. A tarifa do estacionamento também foi corrigida. A permanência por até 12 horas no Terminal, já incluídos os serviços de embarque e desembarque é R$16,50. Para cada hora de permanência acima das 12 horas será, R$ 1,70.

O valor arrecadado é utilizado na manutenção do Terminal e foi definido através de planilhas de custos elaboradas e verificadas pela Secretaria Municipal de Trânsito, Transporte e Segurança Pública (Settrans). O último reajuste foi autorizado em 2014, referente ao ano de 2015. A gestão do Terminal é terceirizada, através de licitação pública. A atual gestora, a Empresa Irmãos Teixeira, tem contrato com o Município até 2023. Em Divinópolis, o movimento médio mensal registrado é de 32 mil passageiros.


Grande - Catavento



Você também vai gostar Mais deste autor

Comentário

Carregando...
Rodapé - Maria Bonita
Mobile - Maria Bonita