CATAVENTO - Gif
Mobile - Cidade

Dia das Mães: Empreendedoras mostram como ter sucesso no mundo dos negócios e na maternidade

O número de mulheres empreendedoras cresce constantemente em nosso país. Dados da Pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM) – conduzida pelo Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade com apoio do Sebrae, mostra que o número de mulheres empreendedoras já ultrapassa os 50%.

Uma das questões desse mundo feminino corporativo é: como conciliar a carreira com a maternidade? Empresárias de sucesso e donas de redes de franquias como: Ahoba Viagem, SuperGeeks e Instituto Gourmet contam como conseguem conciliar a vida de empreendedora com a importante tarefa de ser mãe, falam sobre os principais desafios e conselhos para quem pretende seguir este caminho.

Claudia Del Valle – Sócia da Ahoba Viagens

A notícia continua após a publicidade

A notícia continua após a publicidade

Mobile - Maria Bonita

Mãe de uma adolescente de 14 anos, Claudia Del Valle (45), sócia da rede de franquias Ahoba Viagens, se desdobra entre casa e empresa para dar conta das duas funções – mãe e empresária. Com a empresa a todo o vapor, Del Valle que também tem outros projetos paralelos, não para um só instante.

Entre muitas reuniões, afazeres e deslocamentos a empresária dá conta das tarefas e missões relâmpagos escolares, além de, acompanhar como foi o dia da filha na escola quando chega em casa.  Mesmo sendo divorciada, Cláudia tem total ajuda do ex-marido, que além de levar a filha à escola, acompanha de perto seus estudos. A correria para a executiva começa cedo, ainda em casa, com a checagem de e-mails e o disparar do telefone. O café da manhã acaba sendo tomado dentro do carro a caminho da empresa, quando os semáforos fecham.

O horário de Cláudia sair do trabalho nunca é certo, mas Lívia, a filha, fica acompanhada da ajudante da casa durante a tarde. Mãe e filha se encontram quando a noite chega, para conversar e colocar o papo em dia. Para compensar o pouco tempo que convivem durante a semana, as duas aproveitam ao máximo os sábados e domingos e fazerem sempre programas juntas. Nas férias elas escolhem sempre uma viagem só para as duas e esperam ansiosas!

Vanessa Ban – Fundadora da SuperGeeks

Mãe de Brenda, Vanessa Ban enfrenta o grande desafio que é equilibrar o tempo entre sua filha que tem apenas dois anos de idade e seu negócio – a SuperGeeks, escola de programação e robótica para crianças e adolescentes.

A empresária sempre teve em mente engravidar em momento oportuno, por isso se planejou para acontecer logo após a SuperGeeks estar estabelecida no mercado, já com as primeiras unidades – hoje a rede conta com mais de 50 franquias.

“Minha relação com a Brenda é baseada no amor, na qualidade do meu tempo com ela. Faço questão de acompanhá-la diariamente e não abro mão de dar o leite dela pela manhã, preparar as papinhas, fazer a malinha dela, brincar com ela, levá-la às consultas médicas e aos passeios, dar o banho, fazê-la dormir à noite”.

Vanessa trabalhou durante todo o período da gravidez, inclusive no dia em que deu à luz e também não tirou licença-maternidade. Mesmo na semana de sua recuperação, ela trabalhou. “Também temos de nos realizar profissionalmente, de modo que possamos servir de exemplo para nossos filhos!”.

Se sentindo plena e realizada como mãe e empresária, Vanessa aconselha outras mães a proporcionarem o melhor ambiente possível de amor e carinho à criança, para que não sinta que o trabalho é mais importante do que ela. Além disso, ser mãe e  dona do próprio negócio ajuda a ter o filho mais próximo e a flexibilizar o tempo. “O tempo não precisa ser integral com a profissão ou com a maternidade, mas sim com qualidade”.

Lucilaine Lima – Fundadora do Instituto Gourmet

A ideia de criar o Instituto Gourmet surgiu em 2010, em Serra no Espirito Santo, quando Lucilaine Lima, formada em biologia, resolveu trocar as aulas que dava para estudantes do ensino médio para investir em vendas de doces caseiros para poder ficar mais perto de seu filho Dylan, hoje com 10 anos.

Lucilaine conta que a parte mais difícil no início era conciliar os horários “foi bem corrido adaptar meus horários de encomenda com os dele, mas depois de um tempo, acabou se tornando mais fácil. Dylan ficava muito tempo comigo e eu acredito que isso foi muito saudável para formação dele.”, comenta.

Com o nascimento de seu segundo filho, Luca de apenas um aninho, a empresária diz se sentir uma mulher maravilha. “Hoje eu sou mulher, mãe, empresária, dona de casa e esposa. Eu faço tanto coisa que às vezes eu até duvido que sou capaz, mas confesso que não consigo fazer tudo de uma vez só. Eu tento sempre equilibrar as atividades e se for preciso, eu deixo algumas coisas pendentes e está tudo bem.”

Como dica para quem deseja empreender, Lucilaine acredita que o seu maior aliado é o planejamento, sempre priorizando o bem estar da sua família, ela possui listas que a ajuda manter as coisas em dia e organizadas. “Eu sempre fui muito organizada e isso ficou mais evidente com o nascimento dos meus filhos, querendo ou não, nós precisamos ter tempo para tudo, então o planejamento e a organização são grandes aliados.”, finaliza.


Grande - Catavento
Bolsonaro Mobile



Você também vai gostar Mais deste autor

Comentário

Carregando...
Rodapé - Qi
Mobile - Maria Bonita