Grande - Cidade

Semed distribui mais de 1.300 kits merenda para estudantes do Bolsa Família

Secretaria Municipal de Educação tem se empenhado para repassar as cestas as famílias de alunas(os) em situação de vulnerabilidade social

Foi realizada na tarde da última terça (19) a terceira reunião da comissão formada para organizar a distribuição de kits de alimentação a famílias que tem alunos na rede municipal de ensino e que estão devidamente cadastradas no Programa Bolsa Família.

De acordo com a coordenadora do Setor de Alimentação Escolar da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Ana Carolina Guimarães Dias, até a data da reunião já haviam sido entregues 1348 kits de alimentação a escolas da rede municipal. Após a entrega em cada escola, a direção organiza o repasse para as famílias cadastradas. Outros 800 kits ainda serão montados nos próximos dias. Na oportunidade foram tratados assuntos relativos a toda logística envolvida para que todos esses kits cheguem às famílias.

A montagem dos kits envolve um trabalho grande de logística que envolve vários profissionais. Os itens foram recolhidos nas escolas pelo caminhão da merenda escolar e transportados até a Secretaria de Agronegócios, que está responsável pela montagem no Banco de Alimentos e alguns itens foram comprados pela Semed para complementar os kits. No Banco de Alimentos a montagem está sendo feita seguindo todas as normas de higiene por profissionais do setor, capacitados para a manipulação de alimentos e acompanhados de perto por nutricionistas da secretaria e integrantes do Conselho de Alimentação Escolar.

 

A notícia continua após a publicidade

CATAVENTO - Gif

A notícia continua após a publicidade

Mobile - Maria Bonita

 

 

 

Além da responsável pelo setor de Alimentação Escolar, participaram desta reunião o secretário de Agricultura, Gustavo Martins e Cláudia Santana Coordenadora de Agricultura e Banco de Alimentos; a presidente da Comissão da Criança e Adolescente e Assistência Social da Câmara Municipal, vereadora Janete Aparecida; e duas conselheiras voluntárias do Conselho de Alimentação Escolar, Sabrina Pinheiro Soares e Maria Angélica Guimarães Silva.

A distribuição de alimentos que seriam destinados à merenda escolar é permitida pela Lei Federal nº 13.987, de 07 de abril de 2020, mas não é obrigatória. No entanto, a Prefeitura de Divinópolis, através da Secretaria Municipal de Educação, optou por esta distribuição que está regulamentada através do Decreto Municipal nº 13.781 de 12 de maio de 2020.

Os recursos para a merenda escolar são repassados pelo Governo Federal e equivale a R$ 0,36 por aluno do ensino fundamental por dia de aula, para alunos de educação infantil o valor é de R$ 0,53 e para alunos de tempo integral R$ 1,07, também por aluno por dia de aula.


CATAVENTO - Gif



Você também vai gostar Mais deste autor

Comentário

Carregando...
Rodapé - Qi
Mobile - Qi