Grande - Cidade
Mobile - Cidade

Farsa: Marca de suástica em jovem no RS foi automutilação, aponta laudo

Seguidores de Jair Bolsonaro foram acusados de diversos crimes, porém eles se mostraram inverdades

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul concluiu, em um laudo técnico,  que os cortes que formavam uma suástica no corpo de uma jovem  em Porto Alegre, foram, muito provavelmente automutilação. Outra possibilidade é que tenham sido feitas de forma consentida. O caso, que aconteceu há duas semanas,  se tornou conhecido nacionalmente e foi atribuído à seguidores de Jair Bolsonaro, que refutou dizendo que gente deste tipo ele dispensava o voto.

Um outro caso marcante, foi o assassinato do mestre  capoeirista Moa do Katendê, que a mídia alardeou que teria sido cometido por questões políticas. Na ocasião até mesmo o candidato a presidência da república pelo PT, Fernando Haddad, acusou Jair de promover o ódio e citou o fato como sendo de um de seus seguidores. O próprio assassino, o barbeiro Paulo Sérgio Ferreira de Santana, disse à imprensa local que o motivo pelo qual  matou Romualdo Rosário da Costa, o capoeirista, foi por um desentendimento, veja:

 

A notícia continua após a publicidade

A notícia continua após a publicidade

Mobile - Qi

Grande - Cidade
Bolsonaro Mobile



Você também vai gostar Mais deste autor

Comentário

Carregando...
Rodapé - Maria Bonita
Bolsonaro Mobile