Bolsonaro Grande
Mobile - Cidade

Pauladas e tiros tiram a vida de dois em Divinópolis. Suspeitos não foram encontrado

Malandro que é malandro não tem hora e nem dia pra agir.  “Deu mole e o cachimbo cai”. Hoje, justamento no dia dos finados, os assassinos cancelaram mais um CPF.  Ontem, por volta das 23:00, outro foi retirado da lista.

O primeiro caso aconteceu por volta das seis da manhã desta sexta-feira (2), no bairro Jardim Candidés. Segundo a PM, populares informaram que encontraram a vítima José Pereira Gomes, 40 anos, que possui passagens policiais por ameaça, vias de fato e apropriação indébita, caída ao solo, apresentando perfurações pelo corpo e possivelmente foi agredido por pauladas. Curiosamente e apesar dos indícios apontarem que o homem tenha sido brutalmente morto a pauladas, ninguém viu ou ouviu nada.

A notícia continua após a publicidade

A notícia continua após a publicidade

Bolsonaro Mobile

Já o segundo caso, ocorreu no bairro Elizabeth Nogueira, por volta das 23:00 de ontem (1), onde  um jovem de 24 anos foi alvejado por disparos de arma de fogo.

Segundo o que a PM apurou, o jovem teria sido ameaçado de morte. Momento em que ligou para familiares contando o caso e alegando que determinadas pessoas haviam inclusive chegado a colocar uma arma me sua boca.

Após a ligação o jovem estaria a caminho de casa, momento em que teria passado por um determinado beco. No local estariam alguns elementos que ao vê-lo efetuaram diversos disparos. Alef Luttiany Pereira morreu no local. A perícia constatou um tiro na cabeça e outro nas costas.

Testemunhas disseram que um jovem estava no local na hora do crime, e de posse das características do elemento a PM encontrou um menor de 16 anos. Com ele foi encontrada uma mochila contendo um cartucho cal. 380, do mesmo tipo que matou o jovem Alef.

Ele foi apreendido e encaminhado para delegacia de Polícia Civil.

 

 


Grande - Catavento
Bolsonaro Mobile



Você também vai gostar Mais deste autor

Comentário

Carregando...
Rodapé - Qi
Bolsonaro Mobile