Grande - Qi
Mobile - Cidade

Pedra no sapato: governo quer impedir venda de refrigerante em refil

O refrigerante em refil está no alvo do Ministério da Saúde, que quer suspender a venda do produto. E os prejudicados com isso serão as redes de fast-food e os consumidores. Segundo o ministro da Saúde, Ricardo Barros, pesquisas revelam que há um aumento de 35% no consumo de refrigerante quando a bebida é comprada pelo sistema de refil, quando as pessoas podem se servir à vontade.

A expectativa do órgão é entrar em acordo com as redes de fast food para acabar com a disponibilidade de refrigerante em refil. Se o setor não aceitar abrir mão voluntariamente da venda, o ministro cogitou a hipótese de proibir a venda do produto. Essa é uma das saídas que o governo encontrou para combater a obesidade e doenças crônicas, além de estabelecer como meta a redução de pelo menos 30% do consumo de refrigerante da população adulta até 2019. As informações são da Agência Brasil.

O refrigerante em refil está no alvo do Ministério da Saúde
O refrigerante em refil está no alvo do Ministério da Saúde

 

 

 

A notícia continua após a publicidade

A notícia continua após a publicidade

Mobile - Cidade

Grande - Catavento



Você também vai gostar Mais deste autor

Comentário

Carregando...
Rodapé - Maria Bonita
Mobile - Maria Bonita