CATAVENTO - Gif
Mobile - Cidade

PF determina prisão preventiva de César Tarsan

Acusado pelos crimes de compra de votos, coação de testemunhas, falsa prestação de contas e boca de urna, o vereador divinopolitano César Tarsan teve seu pedido de prisão determinado pela Polícia Federal.
O acusado estava judicialmente impossibilitado de deixar a cidade de Divinópolis. No entanto, de forma pouco inteligente, o nobre paramentar postou uma foto no facebook num momento em que apreciava férias na praia. Diante dos fatos, o delegado da Polícia Federal em Divinópolis determinou a prisão preventiva de César Tarsan.
A fiança foi estipulada no valor de R$10.000,00. Tarsan tem 24 horas para pagar o valor estipulado, ou será encaminhado para a prisão.


Grande - Catavento
Mobile - Policial



Você também vai gostar Mais deste autor

Comentário

Carregando...
Rodapé - Qi
Mobile - Qi