Grande - Política
Mobile - Cidade

Fecha a torneira

Indicado pelo vereador Matheus Costa (Cidadania), projeto de lei para redução salarial de prefeito, vice-prefeito e secretários chega a mesa da presidência da Câmara Municipal; Proposta é reduzir ordenados do Executivo para legislatura 2021-2024

Vinícius Xavier

Uma nova proposta de redução salarial para agentes políticos, desta vez no pilar do Executivo, deve agitar os bastidores da política divinopolitana nos próximos dias, semanas depois que a CM 20/2020 foi aprovada, diminuindo em 25% os vencimentos dos vereadores a partir do próximo mandato.

De autoria do vereador Matheus Costa (Cidadania), já está na mesa da presidência da Casa Legislativa uma indicação para projeto de lei que visa reduzir os ordenados do prefeito, vice-prefeito e das(os) secretários(as) das pastas do Executivo Municipal.

A notícia continua após a publicidade

CATAVENTO - Gif

A notícia continua após a publicidade

Mobile - Maria Bonita

Segundo o parlamentar, a ideia é enxugar os cofres públicos da cidade e visar uma economia estimada em R$10 milhões anuais. Entretanto, a proposição é apenas para a próxima legislatura, correspondente no período de 2021-2024, uma vez que na atual não seria possível executar devido a fatores jurídicos que avisariam inconstitucionalidade.

Em suma, os salários ficariam assim:

  • Prefeito – R$17.879,98
  • Vice-prefeito – R$1.045,00
  • Secretárias(os) – R$9.133,23

Na entrevista para o Cidade Divinópolis, o jovem edil frisou que o objetivo desta lei seria equilibrar os ordenados dos agentes e chegar a um denominador comum, para colaborar com o cenário financeiro atual. “A intenção ao propor a redução da folha de pagamento da prefeitura é para obtermos um patamar compatível com o nível de responsabilidade e dedicação dos agentes políticos, e ao mesmo tempo razoável com as atuais circunstâncias financeiras da cidade. Infelizmente estamos enfrentando uma guerra e mudanças precisam ser feitas. Uma cidade onde alem do Prefeito, dezenas de outros servidores ganham 23 mil reais é praticamente inaceitável para esse momento. Por isso, apesar da redução no salário dos vereadores ter sido pouca ao meu ver, os cargos executivos também precisam se adequar.”, frisou Matheus.

Ainda de acordo com o parlamentar, os envolvidos diretamente nesse projeto não foram avisados. Conforme enfatizou, ele espera que a proposta deverá ser votada em breve. “Nao tenho que avisar ninguém não. Proposta de redução. Não tem apoiadores. Foi entregue ao presidente da Casa e espero que ele honre com a palavra que me deu. Espero ainda que esse projeto seja votado já na próxima reunião extraordinária.”,  enfatizou o vereador.

Costa ainda afirmou que devido ao caráter e conteúdo do projeto, cabe ao presidente marcar a data, discussão e votação da proposta.

Procurado pela redação, a assessoria do Executivo e o presidente da Câmara Municipal, Rodrigo Kaboja (PSD), não responderam até o fechamento desta matéria. O Cidade Divinópolis acompanha o trâmite e a celeridade do projeto e segue acompanhando o andamento do mesmo.

Confira abaixo na íntegra, a indicação CM 264/2020.

 


CATAVENTO - Gif
Mobile - Política



Você também vai gostar Mais deste autor

Comentário

Carregando...
Rodapé - Maria Bonita
Mobile - Maria Bonita