Grande - Catavento
Mobile - Cidade

CSSJD reporta morte de mulher que vinha sendo monitorada com queixa de Covid-19

O Hospital São João de Deus informou que a vítima de 31 anos havia dado entrada no HSJD com sintomas similares coronavírus; Ela sofreu uma parada cardiorrespiratória na noite de domingo, (22); Uma amostra de sangue foi colhida para realização de exame em Belo Horizonte

Vinicius Xavier

O Complexo de Saúde São João de Deus, comunicou o falecimento de uma mulher de 31 anos que estava internada nas dependências do local. A morte dela será apurada pelas autoridades, devido a paciente estar sob suspeita do novo coronavírus. A notícia foi encaminhada a imprensa por meio da assessoria de comunicação do Hospital São João de Deus nesta terça, (24). O caso ainda não consta no boletim do Estado e do Ministério da Saúde.

De acordo com o hospital, a enferma tinha diabétes e sofreu uma parada cardiorrespiratória por volta das 22h de ontem, (23).

 

A notícia continua após a publicidade

CATAVENTO - Gif

A notícia continua após a publicidade

Mobile - Cidade
Comunicado da assessoria do Complexo de Saúde São João de Deus para a imprensa.

 

Ainda segundo a assessoria do CSSJD, a paciente não havia realizado viagens ao exterior e também não teve contato com pessoas contaminadas, conforme a paciente comunicou antes do falecimento.

Um exame para a positivação ou negativação do Covid-19 foi colhido no domingo, (22), e foi encaminhado ao Hermes Pardini e em seguida será levado para Fundação Ezequiel Dias (FUNED), em Belo Horizonte. O resultado sairá nós próximos dias.


Grande - Saude
Mobile - Cidade



Você também vai gostar Mais deste autor

Comentário

Carregando...
Rodapé - Maria Bonita
Mobile - Qi