Bolsonaro Grande
Mobile - Cidade

TRF-4 mantém pena de 8 anos e dez meses de José Dirceu

Defesa do réu pediu revisão da pena aplicada pela 8ª Turma da Corte, solicitando perdão judicial

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) manteve a pena do ex-ministro José Dirceu que foi definida na segunda condenação na Lava Jato. Com a decisão, ele deve cumprir 8 anos e 10 meses de prisão. Ele é acusado de cometer irregularidades em contratos de fornecimento de tubos para a Petrobras.

O ex-ministro está respondendo em liberdade, por determinação do Supremo Tribunal Federal (STF). Ele chegou a ser preso, mas aguarda decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), em liberdade, fazendo apenas uso de tornozeleira eletrônica.

A notícia continua após a publicidade

Bolsonaro Grande

A notícia continua após a publicidade

Bolsonaro Mobile
De acordo com o Ministério Público, Dirceu recebeu R$ 2,1 milhões em propina repassados pela empresa Apolo Tubulars, que firmou contrato com a Petrobras. O TRF-4 analisa também um pedido de revisão de pena do ex-ministro Antônio Palocci e outros réus da Lava-Jato.

Grande - Policial
Mobile - Policial



Você também vai gostar Mais deste autor

Comentário

Carregando...
Rodapé - Qi
Mobile - Qi