Digiqole ad

Em duelo de má-fases, Cruzeiro busca voltar a vencer na Série B

Jogo contra o Sampaio Corrêa pode simbolizar o fim das chances matemáticas de acesso para a Série A, de acordo com combinação de resultados da rodada

 Em duelo de má-fases, Cruzeiro busca voltar a vencer na Série B Jogo contra o Sampaio Corrêa pode simbolizar o fim das chances matemáticas de acesso para a Série A, de acordo com combinação de resultados da rodada

2021: o ano do centenário começa de forma efetiva para o Cruzeiro hoje, quando o time faz sua primeira partida no ano. Em São Luís, no Maranhão, a Raposa duela com o Sampaio Corrêa, às 21h30, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Não era o tipo de início de janeiro que o torcedor esperava. Com remotas chances de aceso à primeira divisão, o Cruzeiro entra na contagem regressiva para o término da Série B com a missão de ainda conquistar quatro pontos para espantar qualquer chance de brigar contra o descenso.

A melancolia dos próximos seis jogos pode parecer dominante. Mas o Cruzeiro quer um ano diferente. Vencer o Sampaio, que derrotou a Raposa no turno, dentro do Mineirão, pode ser uma ótima demonstração de mudança e também de esperança. Naquele 2 a 1 aplicado pela Bolívia Querida, como é popularmente conhecido o time maranhense, o Cruzeiro não tinha ainda o fator Rafael Sóbis, e o veterano atacante pode ser um fator desequilibrante para encerrar uma sequência de quatro jogos sem vitórias na segunda divisão, competição que ‘prega’ suas surpresas.

“(Vai ser) Mais um jogo difícil como vem acontecendo nos dois meses que eu estou aqui. É uma competição diferente, onde nem sempre o melhor vence, se joga diferente. Creio que estamos merecendo vencer, pelo que produzimos no último jogo e não vencemos”, avalia Sóbis, fazendo menção ao empate sem gols com o Cuiabá, no dia 29 de dezembro, o último jogo do Cruzeiro em 2020.

Desde então, o Cruzeiro vem se preparando para escrever uma nova história em um ano que também vai exigir bastante resiliência. Sóbis já sabe o que quer atingir em 2021. ‘É me superar em todos os quesitos, não só dentro de campo, mas na vida pessoal, até pelo momento difícil que o mundo vive, tentar ser uma pessoa melhor sempre, tentar cumprir com os objetivos profissionais e pessoas. Esse é o Sóbis, esse é o Rafael que eu espero ter neste ano”, declarou o atacante.

E o Cruzeiro? O que espera ser neste ano? O torcedor espera que respostas para esta pergunta comecem a ser dadas nesta noite. O time não contará com Manoel, suspenso. A escolha óbvia é por Cacá ao lado de Ramon, com o jovem Paulo na reserva. Já no meio de campo, Giovanni pode ganhar mais uma chance como armador ou Scolari pode retomar o esquema com três volantes. Já na frente, a atuação apagada de Arthur Caíke pode fazer com que Airton retorne ao time titular.

FICHA TÉCNICA

Sampaio Corrêa x Cruzeiro

Motivo: 33ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B 2020

Horário: 21h30

Local: Estádio Castelão, em São Luís-MA

Árbitro: Paulo Henrique Schleich Vollkopf (CBF-MS)

Auxiliares: Eduardo Gonçalves da Cruz (CBF-MS) e Cícero Alessandro de Souza (CBF-MS)

Transmissão: Rádio Super 91.7 FM, Sportv e Premiere

Sampaio Corrêa 

Gustavo; Joazi, Joécio, Daniel Felipe e João Victor; André Luiz (Léo Costa), Vinícius Kiss (Eloir) e Marcinho; Roney, Caio Dantas e Diego Tavares. Técnico: Léo Condé.

Cruzeiro 

Fábio; Raúl Cáceres, Cacá, Ramon e Matheus Pereira; Adriano, Filipe Machado e Giovanni; Airton (Arthur Caíke), William Pottker e Rafael Sóbis. Técnico: Luiz Felipe Scolari. (O Tempo)

Digiqole ad
Avatar

Redação Cidade Divinopolis

VEJA O QUE JÁ FOI NOTÍCIA...